sábado, 21 de fevereiro de 2015

A Síndica


Caros leitores.

Peço-lhes licença para, pela primeira vez, não abordar - diretamente - assuntos de educação e/ou tecnologia. Voltarei em breve, com matérias abordando esses temas.

=======

A Síndica
Fonte da imagem: www.poliakoffoncondohoaliving.com

Nos últimos anos as taxas do condomínio vinham aumentando absurdamente. O prédio vivia em reformas, mas as condições de uso das áreas comuns eram cada vez piores. Recentemente foi descoberto um rombo gigantesco nas contas. Donos de fornecedoras, presos, confessaram repassar parte dos ganhos ilegais ao filho da sindica.  Reunião extraordinária convocada. Burburinho generalizado de que a sindica seria destituída. Durante a reunião um fato surpreendente, trazido pelo advogado da síndica, provoca reviravolta.  Uma ata da década de 90 mostrava que uma daquelas empresas já prestava serviços ao condomínio desde então. Surpresa geral! Mas havia mais fatos a revelar. Numa outra ata do mesmo período havia o registro de um condômino suspeitando de que o síndico em exercício recebera uma cesta de Natal da contratada. Didaticamente, então, o advogado mostrou que se aquela denúncia tivesse sido investigada na década de 90 essa fornecedora não estaria hoje prestando serviços ao condomínio. Discussões acaloradas. Condôminos divididos. Deliberação tomada. Foi montada uma comissão, presidida pelo marido da sindica, para fazer uma devassa nas contas desde a instalação do condomínio. Nessa hora dei graças de ser apenas ouvinte dessa história e de morar numa casa, em rua aberta.

Um miniconto de Romero Tori.
21/02/15