sábado, 3 de setembro de 2011

CIAED 2011: Mesa Redonda "A importância da comunicação/interação na Educação sem distância"



Novo: Slides das apresentações das professoars Alice Carraturi e Adriana Clementino.


No dia 31 de agosto de 2011 realizamos a mesa redonda "A Importância da Comunicação / Interação na  Educação sem Distância", coordenada pela Profa Vani Kenski, com a participação das professoras Adriana Clementino e Alice Carraturi.  Conforme prometido faço aqui um relato sobre o que lá foi apresentado e discutido. À medida que for recebendo novos materiais irei publicando aqui. Por enquanto coloco a minha parte.

A idéia inicial era fazer uma mesa blended, ou seja, com participantes da mesa e do público remotos e locais. Infelizmente, devido a problemas técnicos, não foi possível contar com o público virtual. Apenas eu participei a distância, via Skype. Mas para o próximo ano, se tudo der certo, faremos uma mesa verdadeiramente sem distância (se nossa infra-estrutura de telecomunicações deixar... bem, como estaremos mais próximos da Copa do Mundo, teremos mais chances de que  tudo funcione... ou não ;-).


Abaixo o video que eu havia preparado para ser exibido na eventualidade de a conexão via Skype falhar. A conexão não falhou e consegui fazer a apresentação ao vivo. Segue a gravação "backup", com conteúdo similar ao apresentado.




Após minha apresentação expuseram seus pontos de vista, respectivamente, as professoras Alice Carraturi e Adriana Clementino. 

Em seguida abriu-se para a participação dos presentes. Reproduzo a seguir a primeira pergunta. Espero oportunamente incluir mais conteúdos do debate. 

A primeira a se manifestar foi a professora Paula Carolei, que mais uma vez prestigiou e contribuiu com nossa mesa.
Paula Carolei: Como se deve fazer para comunicar, transpondo essa barreira da tecnologia ? Romero Tori: Como em qualquer tecnologia de comunicação (desde as que possuimos naturalmente , como a fala) faz-se necessária uma adequada assimilação dos códigos, das limitações e do potencial de cada tecnologia/midia para que seu uso se torne natural, eficiente e eficaz. Aprender e dominar a linguagem envolvida é essencial. Há algum tempo houve um grande debate entre dois autores (Robert Kozma e Richard Clark) sobre a midia influenciar ou não o processo de aprendizagem. Clark afirmava categoricamente que midia não influi, sendo apenas o meio, não a mensagem. Deu até um exemplo: o caminhão que transporta o alimento não interfere em sua qualidade. Pergunto: e se o alimento for perecivel ? Certamente o veiculo poderá interferir (estragando o alimento) se não for refrigerado, por exemplo... Na verdade ambos falavam a mesma coisa mas sob pontos de vista diferentes. Um separava metododologia da tecnologia enquanto outro considerava-as indissociáveis. O fato é que se não usarmos uma midia/tecnologia adequada à metodologia ou uma metodologia adapatada à midia/tecnologia, além de não se tornarem transparentes no processo poderão prejudicar a aprendizagem em vez de ajudá-la. E isso pode acontecer até mesmo com a mais básica das mídias educacionais, como a tradicional sala de aula, apoiada por lousa e giz.